Bibliografia

Seguem abaixo alguns artigos, teses ou livros que foram base para algumas das publicações do Itan Òbe.

BREDA, Omri. Capoeira com crianças no Rio de Janeiro: a capoeira como prática educativa e transformadora, Rio de Janeiro: 24 de agosto de 2010. Disponível em: <http://www.educacaopublica.rj.gov.br/biblioteca/educacao_fisica/0009.html>. Acesso em: 20 out. 2010.

BRETAS, Marcos Luiz. A queda do império da navalha e da rasteira (a República e os capoeiras). Revista de Estudos afro-asiaticos n° 20 de junho de 1991. pp 239-256.

CHALHOUB, Sidney. A Força da Escravidão: ilegalidade e costume no Brasil oitocentista. Ed. Cia das Letras 1° edição 2012.

COLUMÁ, Jorge Felipe. Arte, Magia e Malandragem: o imaginário cantado nas rodas de capoeira. Editora Nitpress 2012.

 

COLUMÁ, Jorge Felipe, CHAVES, Simone Freitas. O sagrado no jogo de capoeira. Textos escolhidos de cultura e arte populares, Rio de Janeiro, v.10, n.1, p. 169-182, mai. 2013.

DIAS, Adriana Albert. A malandragem da mandinga: o cotidiano dos capoeiras em Salvador na República Velha (1910-1925). Dissertação de mestrado pela Universidade Federal da Bahia, Salvador 2004.

ELIAS, Roger.Famílias escravas em Porto Alegre (1810-1835) uma história de suas formações. 2º Encontro Escravidão e Liberdade no Brasil Meridional, Outubro de 2005-Rio Grande do Sul.

FALCÃO, José Luiz Cirqueira. Fluxos e Refluxo da capoeira: Brasil e Portugal gingando na roda, Santa Catarina: 2005. Disponível em: <http://www.scielo.oces.mctes.pt/pdf/aso/n174/n174a05.pdf>. Acesso em: 20 abr.2011.

FERNANDES, Florestan. A integração do negro na sociedade de classes. Editora Globo;

FRIGERIO, Alejandro.  Capoeira: De arte negra a esporte de branco. Disponível em: <http://www.anpocs.org.br/portal/publicacoes/rbcs_00_10/rbcs10_05.htm>. Acesso em: 20 out. 2010.

FONSECA, Luanda Luiza Santos da. Capoeira e Identidade Nacional no Período do Estado Novo. Rio de Janeiro: Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, 2007. 46p. Monografia- Ensino Médio Integrado à Educação Profissional Técnica de Nível Médio em Saúde de Vigilância Sanitária e Saúde Ambiental. Rio de janeiro 2007.

FONSECA, Vivian. Capoeira Contemporânea: Antigas questões, novos desafios. Revista de História do Esporte, Rio de Janeiro, v. 1, n. 1, p 1-30, Junho. 2008.

FONSECA, Vivian. Capoeira e o mundo do trabalho: embates acerca da profissionalização. Cad. AEL, v.16, n.28, 2010.

HERINGER, Rosana. Desigualdades raciais no Brasil: síntese de indicadores e desafios no campo das políticas públicas;

Disponível em: WWW.scielo.br/pdf/csp/v18s0/13793.pdf

KARASCH, Mary C. A vida dos escravos no Rio de Janeiro 1808-1850. 1ª Edição. Editora: Cia das Letras. São Paulo: 2000.

KATO, Allan Thomas Tadashi. O espaço dos moradores não-brancos em Paranaguá e Antonina em 1808: um estudo da disposição socioespacial, 5º Encontro de Escravidão e Liberdade no Brasil Meridional, Maio 2011-Rio Grande do Sul.

KUNIOCHI, Marcia Naomi. Ter escravo no Rio Grande. 3º Encontro de Escravidão e Liberdade no Brasil Meridional, Maio de 2007- Santa Catarina.

LEAL, Luiz Augusto Pinheiro e OLIVEIRA, Josivaldo Pires de. Capoeira, identidade e gênero. Editora EDUFBA-Salvador, 2009.

LOPES, Marcio Teixeira. Capoeira Angola versus Capoeira Regional: um debate necessário. Anais do XIX Encontro Regional de História: Poder, Violência e Exclusão. ANPUH/SP-USP. São Paulo, 08 a 12 de setembro de 2008.

MUNANGA, Kabengele. Políticas de ação afirmativa em beneficio a população negra do Brasil: um ponto de vista das cotas;

Disponível em: WWW.revistas.ufg.br

PARRON, Tânia. A Política da Escravidão no Império do Brasil 1826-1865. Ed. Civilização Brasileira Rio de Janeiro 2011.

PEDROSO, Wagner de Azevedo. Estrutura de posse escrava e relações sociais cativas e senhoriais para a compreensão de um planejamento insurrecional escravo. 6º Encontro de Escravidão e Liberdade no Brasil Meridional, Maio 2013-Santa Catarina.

PINSKY, Jaime. A Escravidão no Brasil. Editora Contexto, São Paulo – 2000.

PIRES, Antônio Liberac Cardoso Simões. A capoeira no jogo das cores: criminalidade, cultura e racismo na cidade do Rio de Janeiro (1890-1937). Tese de Mestrado – Março de 1996.

PIRES, Antônio Liberac Cardoso Simões. Movimentos da cultura afro-brasileira: A formação histórica da capoeira contemporânea 1890-1950. Tese de Doutorado.

PESSI, Bruno Stelmach. Estrutura da posse e demografia escrava em Pelotas em 1850 e 1884. 5º Encontro de Escravidão e Liberdade no Brasil Meridional, Maio 2011-Rio Grande do Sul.

REAL. Márcio Penna Corte. As musicalidades das rodas de capoeira: Investigação de um campo de saber/poder?. Artigo – Universidade Federal de Goiás, 24-01-2014.

REIS, Letícia Vidor de Souza. A capoeira: de “doença moral à “gymnástica nacional”. Revista de História, São Paulo, n.129-131, 1994. Disponível em:

<http://www.revistasusp.sibi.usp.br/scielo.php?pid=S0034-        83091994000100016&script=sci_arttext&tlng=pt>

Acesso em: 20 abr. 2011.

SALDANHA, Anna Luiza de Moura. Entre a malandragem e a sobrevivência: breves considerações sobre os “capoeiras”. Revista Identidade, Rio Grande do Sul, vol. 12, jul-dez 2007. Disponível em:

<http://est.tempsite.ws/arquivos/revistas/pdf/1204553930.pdf#page=22>

Acesso em: 20 abr.2011.

SANTOS, Ynaê Lopes dos. Arranjos escravos de moradias no Rio de Janeiro 1808-1850. 3º Encontro de Escravidão e Liberdade no Brasil Meridional, Maio de 2007- Santa Catarina.

SCHOOT, Dolf Van Der. Capoeira e Religiosidade-Editora Chiado 2015.

SLENES, Robert. Na senzala, uma flor. Editora Nova Fronteira.

SOARES, Carlos Eugênio Líbano. A negregada instituição: os capoeiras na Corte Imperial 1850 -1890. 1ª edição. Rio de Janeiro: 1999.

SOARES, Carlos Eugênio Líbano. A capoeira escrava e outras tradições rebeldes no Rio de Janeiro (1808-1850). Editora UNICAMP. Campinas: 2001.

SOARES. Luiz Carlos. O “Povo de CAM” na capital do Brasil: A Escravidão Urbana no Rio de Janeiro do século XIX. 1ª Edição. Editora: 7 Letras. Rio de Janeiro: 2007.

VASSALLO, Simone Pondé. Capoeiras e Intelectuais: a construção coletiva da capoeira “autentica”. Paris: (EHESS), 2001. p 106-124. Tese (doutorado)- École des Haules Eludes eo Scienccs Socia!es, Paris, 2001.

ENCONTRO REGIONAL DE HISTÓRIA: PODER, VIOLÊNCIA E EXCLUSÃO ANPUH/SP-USP, XIX, 2008, São Paulo. Capoeira Angola versos capoeira Regional: um debate necessário. São Paulo: 2008, 10 p.

JORNADA DISCENTE DO PPHPBC CPDOC/FGV, I, 2009, Rio de Janeiro. A História na Memória: mobilização da história formal nas falas de mestres de capoeira. Rio de Janeiro: 2009. p 1-9.

 

 

 

 

Deixe um comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: